Browse By

Cloridrato de fluoxetina: Como funciona

O cloridrato de fluoxetina, também conhecida pelo seu nome comercial mais famoso, Prozac, é um medicamento antidepressivo que pertence à classe dos inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRS). A fluoxetina é o mais antigo e o mais estudo antidepressivo do grupo dos ISRS, tendo sido lançada no mercado em 1987. No entanto, assim como tantos outros, ela vem sendo usada como remédio emagrecedor. Saiba mais neste artigo sobre o uso deste medicamentocloridrato-de-fluoxetina-como-funciona

Sobre o cloridrato de fluoxetina

O cloridrato de fluoxetina age aumentando os níveis de serotonina no cérebro, dessa forma, melhora os sintomas da depressão, da bulimia nervosa, do transtorno obsessivo compulsivo e do transtorno disfórico pré-menstrual.

Como no caso da maioria dos medicamentos, o cloridrato de fluoxetina só deverá ser tomado quando for prescrito por um médico.

Ainda de acordo com as informações da bula, o cloridrato de fluoxetina deve ser administrado por via oral e pode ser tomado independente das refeições. Vale reforçar ainda que não se pode tomar mais do que a quantidade recomendada do remédio pelo médico para o período de 24 horas.cloridrato-de-fluoxetina-como-funciona

Para que serve o cloridrato de fluoxetina

Sendo um antidepressivo, é mais do que óbvio que a principal indicação da fluoxetina é para o tratamento da depressão. Também é eficaz no tratamento de outros distúrbios de origem psiquiátrica, como, por exemplo: transtorno obsessivo-compulsivo, bulimia nervosa, síndrome do pânico e estresse pós-traumático. A fluoxetina também pode ser usada como tratamento auxiliar na fibromialgia

O cloridrato de fluoxetina emagrece?

A fluoxetina provoca alterações no peso, seja para mais ou para menos. Ambos os casos costumam estar ligados ao controle da depressão e da ansiedade. A maioria dos pacientes depressivos ou com pânico perdem o apetite e emagrecem. Conforme a fluoxetina exerce seus efeitos, a depressão e a ansiedade vão sendo controladas e o apetite retorna. Por isso, o paciente ganha peso. O oposto também pode ser real. O consumo exagerado de alimentos pode ser um sintoma de doença psiquiátrica, que passa a ser controlado conforme a fluoxetina passa a agir.cloridrato-de-fluoxetina-como-funciona

Em alguns pacientes, a fluoxetina pode provocar perda de apetite como efeito colateral. Nestes casos, ela pode levar à perda de peso. Porém, não é um medicamento indicado exclusivamente para o tratamento da obesidade. Além dela não provocar perda de peso em todos os pacientes, a sua eficácia é muito menor do que a de outras drogas disponíveis no mercado. A redução do apetite descrita acima é um efeito que ocorre em apenas 1/5 dos pacientes.

Efeitos colaterais do cloridrato de fluoxetina

Assim como outros medicamentos, a fluoxetina pode oferecer alguns efeitos colaterais que, certamente, serão informados a você com detalhes pelo seu médico.

Mas, de acordo com informações da bula, foram relatadas as seguintes reações adversas com o uso deste medicamento:

  • Diarreia;
  • Náusea;
  • Cansaço (fadiga) – incluindo astenia (perda ou diminuição da força muscular);
  • Dor de cabeça;
  • Insônia (incluindo despertar cedo, insônia inicial, insônia de manutenção do sono).

Essas ou qualquer outra reação devem ser informadas ao médico que receitou o medicamento o quanto antes.cloridrato-de-fluoxetina-como-funciona

Contraindicações e precauções do cloridrato de fluoxetina

O cloridrato de fluoxetina  tem vários efeitos colaterais deve ser utilizado com cuidado em pacientes com diabetes, pois há um maior risco de hipoglicemia, e em pacientes com doenças hepática. Deve ser evitada em pacientes em fase maníaca, pois pode agravar os sintomas. O consumo de álcool deve ser evitado, pois aumenta o risco de efeitos colaterais da fluoxetina.

Apesar de não ser totalmente contraindicada, a fluoxetina costuma ser evitada na gravidez, já que existem outros antidepressivos mais seguros, como a Sertralina. O mesmo raciocínio vale para as mulheres que estão amamentando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *